Provided by: manpages-pt_20040726-2_all bug

NOME

       df - relata o espaço de disco usado pelo sistema de arquivo

SINOPSE

       df [opes] [arquivo...]

       Opções POSIX: [-kP]

       Opções  GNU  (forma  reduzida):  [-ahHiklmPv]  [-t  fstype] [-x fstype]
       [--block-size=tamanho]  [--print-type]  [--no-sync]  [--sync]  [--help]
       [--version] [--]

DESCRIÇÃO

       df relata a quantia do espaço de disco usado e disponível no sistema de
       arquivos.

       Sem argumentos, df relata o espaço usado e disponível em todos sistemas
       de  arquivos  atualmente montados (de todos os tipos).  De outra forma,
       df relata para cada argumento, do sistema de arquivos, arquivo.

DETALHES POSIX

       A saída padrão é em unidades de 512 bytes, mas pode ser em  1024  bytes
       quando  a opção -k é fornecida.  O formato de saída é indefinido, a não
       ser que a opção -P  seja  fornecida.   Se  arquivo  não  é  um  arquivo
       regular, é um diretório ou um FIFO, o resultado não é específico.

DETALHES GNU

       A  saída  padrão  é em unidades de 1024 bytes (quando nenhuma unidade é
       especificada  por  opções),  a  menos  que  a  variável   de   ambiente
       POSIXLY_CORRECT seja selecionada, no caso que o POSIX é seguido.

       Se  um  argumento arquivo é um arquivo de dispositivo de disco contendo
       um sistema de arquivo montado, df mostra o  espaço  disponível  naquele
       sistema  de arquivo preferencialmente do que no sistema de arquivos que
       contém o nó do dispositivo.

OPÇÕES POSIX

       -k     Usa unidades de 1024 bytes ao invês do padrão de unidades de 512
              bytes.

       -P     Saída  em  seis  colunas, com o cabeçalho ’Sistema de Arquivo N-
              blocos Uso Disponível Capacidade Montado  em’  (com  N-512,  mas
              N=1024 quando a opção -k é fornecida).

OPÇÕES GNU

       -a, --all
              Inclui  no  sistema de arquivo listado o que tem um tamanho de 0
              blocos, que são omitidos por padrão. Tal sistema de arquivos são
              tipicamente de propósitos especiais falsos sistemas de arquivos,
              assim com as entradas de auto-montagem.  Além disso, sistema  de
              arquivo  do tipo "ignore" ou "auto", apoiado por muitos sistemas
              operacionais,  são   incluídos   somente   se   esta   opção   é
              especificada.

       --block-size=tamanho
              Imprime  o  tamanho  em  blocos  de  tamanho  bytes.  (Novo, mas
              descontinuado, no Utilitários de Aquivo 4.0.)

       -h, --human-readable
              Anexa o rótulo de tamanho como  M  para  binários  de  megabytes
              (’mebibytes’) para cada tamanho.

       -H, --si
              Faça igual para a opção -h, mas use o unidade oficial do SI (com
              potência de 1000 ao invês de 1024, assim M representa 1000000 ao
              invês de 1048576).  (Novo no Utilitários de Arquivo 4.0.)

       -i, --inodes
              Lista  a informação de uso dos inodes no lugar do uso de blocos.
              Um inode (abreviação de index node) contém informação  sobre  um
              arquivo assim como seu proprietário, permissão, marca de tempo e
              localização no disco.

       -k, --kilobytes
              Imprime o tamanho em blocos de 1024 bytes.

       -l, --local
              Limita a saída para o sistema de arquivo local  somente.   (Novo
              no Utilitários de Arquivo 4.0.)

       -m, --megabytes
              Imprime  o tamanho em blocos de megabytes (1048576 bytes).  Note
              que as quatro opções -h, -H, -k, -m são mutualmente exclusivas e
              somente  a última delas terá efeito, por exemplo, e não é o caso
              que ambas as opções --si e -m são dadas o resultado no  saída  é
              (na realidade, 1000000 bytes) em megabytes. [A interpretação dos
              tamanhos de blocos  também  é  influenciadas  pela  variável  de
              ambiente  BLOCK_SIZE, mas isto não funciona no versão do sistema
              de arquivo 4.0.]

       --no-sync
              Não executa a chamada de sistema sync antes de adquirir qualquer
              dado   de   uso.    Este   modo   de   executar   pode   ser  df
              siginificativamente rápido, mas em muitos sistemas (notavelmente
              SunOS) o resultado pode ser levemente errado. Este é o padrão

       -P, --portability
              Usa  o  formato  de  saída POSIX exceto que as informações sobre
              cada sistema de arquivo é  sempre  mostrada  em  exatamente  uma
              linha;  um  dispositivo  montado  nunca é posto por si só em uma
              linha. Isto significa que se o nome do dispositivo  montado  tem
              mais  que  20  caracteres  de  tamanho (e.g., para algumas redes
              montadas), as colunas serão quebradas.

       --sync Executa a chamada de sistema sync  antes  de  adquirir  qualquer
              dado de uso. Em muitos sistema (notadamente SunOS), fazendo isto
              teremos resultados mais atualizados, mas no geral esta opção faz
              df ficar muito lento, especialmente quando temos muitos sistemas
              de arquivos ou são muito ocupados.

       -t tipo de sistema de arquivo, --type=tipo de sistema de arquivo
              Limita  a  listagem  para  o  sistema   de   arquivo   do   tipo
              tipodesistemadearquivo.  Multiplos tipos de sistemas de arquivos
              podem ser especificados fornecendo a opção -t

       -T, --print-type
              Imprime cada tipo de sistema de arquivo.   Os  tipos  fornecidos
              são  aqueles  relatados pelo sistema (e são encontrados na forma
              de depêndica do sistema, por  exemplo  lendo  /etc/mtab).   Veja
              também mount(8).

       -x  tipo  de  sistema  de  arquivo,  --exclude-type=tipo  de sistema de
       arquivo
              Limita  a  listagem  para  sistemas de arquivo que não o tipo de
              sistema de arquivo.  Multiplos  tipos  de  sistema  de  arquivos
              podem ser eliminados fornecendo multiplas opções -x

       -v     Ignorada; para compatibilidade com as versões System V do df.

OPÇÕES PADRÃO GNU

       --help Imprime a mensagem de uso na saída padrão e sai.

       --version
              Imprime a versão na saída padrão e sai.

       --     Encerra a lista de opçôes.

AMBIENTE

       A  variável POSIXLY_CORRECT determina a escolha da unidade.  Se ela não
       esta fixada, então a variável BLOCKSIZE  tem  um  valor  iniciando  com
       ’HUMAN’,  então  o comportamento é como dado pela opção -h, a menos que
       sobreposta pelas opções -k ou -m.  As variáveis LANG, LC_ALL,  LC_CTYPE
       and LC_MESSAGES tem seu significado usual.

DE ACORDO COM

       POSIX 1003.2

VEJA TANBÉM

       mount(8)

NOTAS

       Esta  página descreve df é encontrada no pacote Utilitários de Arquivos
       4.0; outras versões podem ser um pouco diferente.   Envie  correções  e
       adições  para  aeb@cwi.nl.   Relatório  de  problemas  no programa para
       fileutils-bugs@gnu.ai.mit.edu.

TRADUZIDO POR LDP-BR em 21/08/2000.

       André L. Fassone Canova <lonelywolf@blv.com.br> (tradução) Ricardo C.O.
       Freitas <english.quest@best-service.com> (revisão)