Provided by: po-debconf_1.0.16_all bug

NOME

       podebconf-report-po - enviar ficheiros PO de debconf, desactualizdos,
       aos últimos tradutores

SINOPSE

       podebconf-report-po [options]

DESCRIÇÃO

       Este programa lê um directório com ficheiros po para determinar quais
       os ficheiros que contêm traduções em falta ou marcadas como fuzzy,
       lança um editor para permitir modificações ao corpo e cabeçalhos do
       mail, pede confirmação para enviar os mails, e envia-os ao último
       tradutor pedindo uma actualização.  O mail irá conter o ficheiro PO que
       tem de ser actualizado.  O podebconf-report-po pode ser chamado quer a
       partir do directório de nível de topo, ou nos subdirectórios debian ou
       debian/po (ou, para traduções não-debconf, a partir do próprio
       directório po ou do seu directório-pai).

       O podebconf-report-po também pode ser utilizado para enviar um pedido
       de traduções para uma mailing list.  Neste caso, o ficheiro POT será
       anexado.

       Existem diferentes templates para pedidos de actualização da tradução,
       pedidos para enviar ficheiros PO actualizados para um relatório de bug
       (--submit) ou para chamadas para traduções (--call).  O template pode
       também ser fornecido pelo utilizador.  Veja a secção TEMPLATES para
       mais informações acerca dos templates.

OPÇÕES

       Podem ser definidas muitas opções num ficheiro de configuração.  Veja a
       secção FICHEIRO DE CONFIGURAÇÃO.

       --addlanguageteam=LANGUAGE:LIST
           Especificar a mailing list para um determinado idioma.  Quando for
           utilizado <--languageteam> esta mailing list será acrescentada ao
           CC da lista para os ficheiros PO deste idioma, além disso a equipa
           do idioma especificado no ficheiro PO (se estas mailing lists
           diferirem).

           Isto é útil para manter as equipas especificas informadas, e
           permitir uma reacção mais rápida quando se sabe que um tradutor
           está inactivo.

           Esta opção pode ser especificada mais do que uma vez.  O código do
           idioma e a mailing list do idioma são separados pelo sinal de dois
           pontos.

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       --bts=NUMBER
           Após ter sido enviado um relato de bug (manualmente ou com a flag
           --submit) para seguir as traduções, o podebconf-report-po pode
           correr novamente, mas desta vez com a flag --bts=NUMBER. É então
           pedido aos tradutores que respeitem o campo do cabeçalho Reply-To:
           que é definido para este relato de bug, para que todas as traduções
           sejam juntas num mesmo local único.

       --call[=MAILING_LIST]
           Enviar um pedido de traduções.  Se o argumento opcional
           MAILING_LIST não for especificado, o pedido de traduções é enviado
           para a lista Debian Internationalization
           (debian-i18n@lists.debian.org).

           Os pedidos de traduções são úteis para receber traduções em novos
           idiomas.

           Por pré-definição, os pedidos de traduções são combinados com os
           pedidos normais de actualização de traduções aos tradutores, para
           as traduções já existentes. Você pode desabilitar este
           comportamento pré-definido com a opção --withouttranslators.

       --conf=FILE
           Especificar o ficheiro de configuração.  O ficheiro pré-definido
           que o podebconf-report-po lê é o $HOME/.podebconf-report-po.conf.

       --noconf
           Não ler qualquer ficheiro de configuração.

       --deadline=DEADLINE
           Especificar o prazo para receber as traduções actualizadas (o valor
           pré-definido é sem prazo).

           Isto deve ser uma data, que pode ser precedida por:
            O prazo para receber a tradução actualizada é
            DEADLINE.

           Se a string especificada começar com um ’+’, será interpretada por:
            LC_ALL=C date -R -d DEADLINE

           Se não for especificado um prazo (e não for utilizada a opção
           --nodeadline), será perguntado um prazo ao utilizador, propondo um
           prazo pré-definido de +10days.

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       <--nodeadline
           Desactivar a indicação de prazo aos tradutores, e evitar perguntas
           de prazos.

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       --default
           Não abrir o editor e utilizar o template conforme está.

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       --nodefault
           Abrir um editor antes de enviar o(s) email(s).

       -f, --force
           Enviar email(s) sem confirmação.

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       --noforce
           Pedir confirmação antes de enviar email(s).

       --from=FROM
           Especifique o nome e o endereço de email do remetente (o valor por
           omissão é tirado das variáveis de ambiente DEBEMAIL e DEBFULLNAME,
           ou da variável de ambiente EMAIL, ou é definido pelo maintainer do
           pacote se estas variáveis não estiverem definidas).

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       --gzip
           Comprimir os ficheiros PO em anexo com "gzip".

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       --nogzip
           Não comprimir os ficheiros PO.

       -h, --help
           Mostrar a informação de utilização e sair.

       --langs=LANGUAGES
           Especificar uma lista de idiomas para restringir o envio da
           notificação apenas para esses idiomas.  A lista de idiomas é
           separada por vírgulas.  Os ficheiros PO têm de ter o nome de acordo
           com esses idiomas, com a extensão .po.

       --languageteam
           Enviar também o email à Equipa do Idioma como CC.

           Está activo por pré-definição.

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       --nolanguageteam
           Não enviar o(s) email(s) às equipas de idioma.

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       --mutt
           Enviar os mails com o mutt.  Isto define o argumento --postpone
           para $HOME/postponed.

       --notdebconf
           Indicar que não é uma tradução debconf.  podebconf-report-po irá
           utilizar o modelo translator-po, call-po, ou submit-po (se nenhuns
           outros modelos forem pedidos no ficheiro de configuração ou na
           linha de comandos).  Estes modelos não mencionam debconf no título
           ou no corpo do email e são mais adequados para traduções
           não-debconf.

           Esta opção também muda o directório po pré-definido utilizado pelo
           podebconf-report-po (i.e. a opção --podir não é necessária quando a
           chamada for feita a partir do próprio directório po ou a partir do
           seu directório pai).

           Por pré-definição, é preferido um directório debian/po em vez dum
           directório po.  Com esta opção, apenas será considerado o
           directório po.

           Esta opção normalmente não é necessária. O podebconf-report-po
           tenta determinar o tipo de tradução baseada no directório actual e
           a existência dum directório debian/po ou po.

       --package=PACKAGE
           Especificar o nome do pacote (o valor pré-definido é o nome do
           pacote source).

       --podir=DIR
           Especifique onde estão localizados os ficheiros PO.  Por
           pré-definição, o podebconf-report-po verifica se é chamado a partir
           de um directório po, ou procura por um directório debian/po (isto
           pode ser desabilitado com a opção --notdebconf), ou por um
           directório po.

       --postpone=MBOX
           Não enviar emails, acrescentá-los em MBOX.  Este ficheiro pode ser
           utilizado para ler uma caixa de correio adiada com o mutt -p.

       --potfile=POTFILE
           Especifique o ficheiro POT a enviar num pedido de traduções
           (--call).  Por omissão, o podebconf-report-po utiliza o ficheiro
           POT do directório dos ficheiros PO se existir apenas um.

           Este ficheiro também é utilizado para procurar o nome e versão do
           pacote, caso não tenha sido especificado nenhum com uma opção, e
           não tiver sido encontrado o ficheiro debian/changelog.

       --sendmessage
           Enviar apenas uma mensagem, sem anexos.  Isto pode ser útil quando
           os tradutores tiverem permissões para ’commit’ no repositório de
           pacotes.

       --smtp=SERVER
           Especificar o servidor SMTP para o envio (o valor pré-definido é
           "localhost").

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       --submit
           Em vez de enviar mails aos tradutores, lançar um relatório de bug
           contra este pacote para pedir traduções.  Isto é útil e.g. quando
           se preparam uploads de não-maintainers (NMUs) para ter a certeza
           que as traduções não se perdem.

       --summary
           Enviar um relatório de estado ao maintainer com a lista de emails
           enviados aos tradutores.

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       --nosummary
           Não enviar qualquer relatório de estado ao maintainer.

       --utf8
           Enviar o email em UTF-8.  Isto permite caracteres não-ascii no
           corpo e cabeçalho do mail.  O editor tem de suportar UTF-8.

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       --noutf8
           Enviar o(s) email(s) em us-ascii.  Os caracteres não-ascii são
           substituidos por um ponto de interrogação.

       --version
           Mostrar a informação da versão e sair.

       -v, --verbose
           Mostrar informação adicional enquanto está a correr.

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       --noverbose
           Não utilizar o modo detalhado.

       --templatecall=TEMPLATE
           Especificar o ficheiro a utilizar como template para o(s) email(s)
           da chamada de traduções. O template pré-definido é
           /usr/share/po-debconf/templates/call.

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       --templatesubmit=TEMPLATE
           Especificar um ficheiro para utilizar como template para o(s)
           email(s) a enviar aos tradutores quando for utilizada a opção
           --submit.  O template pré-definido é
           /usr/share/po-debconf/templates/submit.

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       --templatetranslators=TEMPLATE
           Especificar um ficheiro a utilizar como template para o(s) email(s)
           a serem enviados aos tradutores. O template pré-definido é
           /usr/share/po-debconf/templates/translators.

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       --template=TEMPLATE
           Especifique o ficheiro a utilizar como template para o(s) email(s).
           Se for especificado um template com esta opção, este template será
           utilizado em vez de um template especificado com qualquer das
           opções --templatetranslators, --templatesubmit, ou --templatecall.

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       --notemplate
           Utilizar o template pré-definido.

       --withtranslators
           Enviar aos tradutores pedidos de actualização após ter sido enviado
           o pedido de traduções.

           Esta opção é ignorada quando não é especificada a opção --call.
           Está habilitada por pré-definição.

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

       --withouttranslators
           Não enviar, aos tradutores, pedidos de actualização de traduções
           após o pedido de traduções.

           Esta opção pode ser especificada no ficheiro de configuração para
           definir o comportamento pré-definido de podebconf-report-po.  Veja,
           abaixo, a secção CONFIGURATION FILE.

FICHEIRO DE CONFIGURAÇÃO

       Por omissão, o podebconf-report-po$HOME/.podebconf-report-po.conf.
       O ficheiro de configuração pode ser definido com a opção --conf. Pode
       também ignorar qualquer ficheiro de configuração ao especificar a opção
       --noconf. As opções da linha de comandos podem ser utilizadas para
       ultrapassar as definições do ficheiro de configuração.

       Os ficheiros de configuração aceitam a maioria das opções de linha de
       comandos, sem o -- no começo: deadline, nodeadline, smtp, from,
       verbose, force, templatetranslators, templatesubmit, templatecall,
       template, default, gzip, languageteam, nolanguageteam, addlanguageteam,
       summary, utf8, withtranslators, withtranslators.

       As linhas que começem por um símbolo cardinal (possivelmente precedidos
       de espaços) são comentários e são ignorados.

       Aqui está um exemplo:
        # Isto é um comentário
        smtp smtp.meudominio
        from = Eu Próprio <eu@meudominio>
        utf8

TEMPLATES

       Os templates especificados com as opções --template,
       --templatetranslators, --templatesubmit, ou --templatecall podem conter
       as seguintes tags:

       <from>, <subject>, <reply-to>
           Substituido pelos cabeçalhos correspondentes do(s) email(s).

       <filelist>
           No modo pré-definido, é substituido por comentários que mostram a
           lista de tradutores com traduções desactualizadas.

           No modo --submit, é substituido pela lista de ficheiros PO com
           traduções desactualizadas.

           E no modo --call, é substituido pela lista de ficheiros PO
           encontrados no directório PO.

       <reply>
           Substituido por uma ’string’ que indica como os tradutores têm de
           responder (e.g. seguido do tag Reply-To ou enviar o PO para um dado
           relatório de bug).

       <deadline>
           Substituido pela mensagem que indica o prazo para a tradução (veja
           --deadline).

       <package>
           Substituido pelo nome do pacote (se foi detectado).

       <statistics>
           Substituido pelas estatísticas dos ficheiros PO encontrados no
           directório PO (apenas no modo --call).

       O directório /usr/share/po-debconf/templates contém os templates
       pré-definidos.

EXEMPLOS

       A utilização recomendada é chamar podebconf-report-po a partir do
       directório po a ser actualizado:

       podebconf-report-po --call

       Isto irá enviar um pedido de novas traduções para a mailing list
       <debian-i18n@lists.debian.org> e irá pedir aos tradutores anteriores
       actualizações das traduções. As equipas de idiomas também serão
       notificadas e deverão reagir se for conhecido que o tradutor alocado
       esteja ’MIA’ (desaparecido).

       Uma questão irá pedir um prazo ao utilizador (o pré-definido é pedir
       traduções e actualizações dentro de 10 dias).

       Depois um editor irá mostrar a mensagem a ser enviada para a mailing
       list.  Quando este editor terminar, o podebconf-report-po irá pedir uma
       confirmação para enviar o email para a mailing list.

       Se for confirmado, outro editor irá mostrar a mensagem a ser enviada
       aos tradutores e equipas de tradução.  O podebconf-report-po irá pedir
       outra confirmação para enviar emails aos tradutores e equipas de
       tradução.

       Deve fazer um novo lançamento com as traduções recebidas após o prazo.

VEJA TAMBÉM

       debconf-updatepo(1)

AUTOR

         Fabio Tranchitella <kobold@kobold.it>

                                  2009-04-29            PODEBCONF-REPORT-PO(1)